Mercado de pescados da Ceasa movimentou mais de 2.500 toneladas este ano

Funcionando na unidade da Central de Abastecimento do Espírito Santo (Ceasa), em Cariacica, desde 2015, a comercialização de pescados, que antes ocorria na Vila Rubim, movimenta os finais de tarde, com compradores de toda a Grande Vitória, em sua maioria proprietários de restaurantes e peixarias, e de outros municípios.

Oferecendo mais de 40 variedades, de janeiro a outubro de 2020, o mercado movimentou mais de 2.500 toneladas de pescados por atacado, gerando uma movimentação financeira de quase R$ 20 milhões. Os dados são do setor de estatística da Ceasa.

“O Espírito Santo conta com recursos pesqueiros extraordinários e a Ceasa tem contribuído para que os produtos oriundos desses recursos cheguem a uma parcela considerável dos consumidores”, disse o diretor-presidente da Ceasa, Guilherme Gomes de Souza.

Serviço:

Horário de comercialização dos pescados: de segunda-feira a sexta-feira, das 15h30 às 18h.

Fonte: Ceasa